sábado, janeiro 17, 2009

A Rainha do Pop

A Madonna acabou de fazer alguns show no Brasil, mas eu não gosto dela, nunca gostei, e não é sobre ela que eu vou falar, desculpem-me os fãs xiitas, que são muitos. 

Eu gosto de rock, sempre ouvi rock, toco numa banda de rock, mas gosto um pouco do pop, e muitas vezes daquele pop bem comercial, bem plastificado. E uma que eu gostei desde a primeira vez que eu vi o primeiro clipe foi a Britney Spears. Convenhamos, "Baby, One More Time" é um clássico, uma das melhores músicas pop já feitas e ela, novinma ha, naquela roupinha de colegial, era o sonho de qualquer homem, adolescente ou qualquer outro.

O tempo passou, ela passou por muitos altos e baixos, atingindo ambos os extremos mais de uma vez, e agora volta com um novo álbum, "Circus", que por sinal estou acabando de ouvir. O que dizer dele? É um PUTA álbum, passa por tudo que o pop tem de bom para oferecer, é dançante, é romântico, é cantante, é agradável. 

Uma vez ouvi alguém dizer que fazer uma música pop perfeita é o trabalho mais difícil que existe, pois o limite entre a perfeição e o ridículo é uma linha muito tênue. E posso dizer que neste caso, pendeu muito mais para a perfeição. E com certeza é um álbum que eu ouvirei mais vezes.

2 comentários:

A.K disse...

vc me assustaaaaaa

Francisco disse...

Nossa que absurdo!!! Desculpe-me, mas para um bom entendedor de musica, tanto pop, ou qualquer outro genero, sempre é levado em consideraçao a voz do cantor, pois musica deve ser cantada e nao enrolada. Abraços!