quarta-feira, junho 25, 2008

Banheiro do Chico Bento

Hoje quando eu desci da cama e veio aquele vento gelado, percebi que o bicho ia pegar, ou melhor, ia congelar. Estava tão frio que até pra trocar de roupa estava foda. O pior de tudo é que meus pais - e, temporariamente, eu - moram numa chácara, no meio do nada de uma cidade nada, num total descampado cercado de materia prima de biocombustível - aka cana - por todos os lados, o que significa que faz um frio do cacete!

Então, lá vou eu caminhando naquele piso frio, quase um picolé, pegar a roupa pra trocar e essas coisas. Nem dá para tomar banho pela manhã.

Taí uma coisa foda! Eu gosto de tomar banho pela manhã, para acordar e tal, devido à minha enorme dificuldade de funcionar nesse horário mas, quando eu olho pela janela, vejo aquela névoa e eu lembro que teria que tomar banho no banheiro do Chico Bento, daí eu desisto.

Para quem acompanha o gibi, o banheiro do Chico Bento é numa casinha fora da casa e aqui é praticamente a mesma coisa. Não que não tenha um banheiro dentro de casa, até tem, mas por causa de leis da física que eu não entendo, a pressão da água no chuveiro é inexistente então nem vira. Dessa forma, tomar um banho significa encarar uma caminhada de ida e volta de uns 70 metros cada percurso até o vestiário onde o chuveiro funciona.

Desse jeito, não tem gripe que cure. Portanto, banhinho quente só para dormir.

2 comentários:

Alê disse...

Se eu tivesse que tomar banho em um banheiro do lado de fora de casa, acho que eu passaria todo o inverno só com banho de assento, hahaha.

Fábio Vanzo disse...

Aqui na minha goma na ZO o banheiro é fora. Mas como semrpe foi assim, nem estranho a friaca.